Mulheres Reais

Archive for março 2011

A atriz Marisa Orth, 47 anos, será co-protagonista do seriado “Macho Man” (Globo), escrito por Fernanda Young e Alexandre Machado. A atração contará as confusões de um gay chamado Nelson, vivido por Jorge Fernando, que “vira” heterossexual após um acidente. Marisa será a melhor amiga dele, Valéria. A personagem é uma ex-gordinha. Ela perdeu 20 quilos, mas não consegue se adaptar ao corpo magro. Reclama que fazia mais sucesso com os homens quando tinha a antiga silhueta com curvas generosas. Os autores querem mostrar que não basta ter um corpo esbelto para ser feliz. “Macho Man” estreia dia 8 de abril, após o “Globo Repórter”. A primeira temporada terá 14 episódios.

Geisy Arruda é a rainha dos factóides. Quase diariamente ela cria uma “notícia” para conseguir se manter em evidência. Está errada? Não. Afinal, no meio artístico, vale a seguinte regra: quem não é visto, não é lembrado. Ou seja: a manutenção da fama exige visibilidade constante. O problema é que Geisy Arruda quase sempre apela ao bizarro na ânsia de conseguir mais 15 minutinhos de mídia. O episódio mais recente envolve uma foto de seu bumbum, postada no Twitter.

A loura argumentou que a imagem sensual era um presente aos seus mais de 81 mil seguidores no microlog. Alguém acreditou? Não, quase ninguém. Geisy é esperta e sabe que uma foto assim teria repercussão imediata. Pois ela conseguiu: ganhou notinhas nos principais sites de celebridades. Mas, como tudo o que ela faz e diz, o tititi veio acompanhado de polêmica. Os detratores da ex-estudante da Uniban ironizaram a foto e comentaram que Geisy ainda está gorda.

Em resposta às mulheres que criticaram suas formas atuais e a superexposição do corpo no Twitter, ela respondeu: “Mulherada olha o recalque! Eu mudei, melhorei e evolui… A autoestima é uma grande aliada, deixa ela ficar em alta!#ficaadica”. Este pequeno quiprocó virtual revela dois tipos de hiprocrisia. O primeiro é da própria Geisy Arruda. Ela não se satisfez apenas em ter emagrecido e remodelado a silhueta com plásticas, lipoesculturas e tratamentos estéticos. Precisou mostrar isso para todo mundo, como se tivesse a obrigação de provar que não é mais gorda. Ou seja: de que adianta ter um “novo” corpo escondido sob as roupas — é preciso mostrá-lo em detalhes para que todos confiram a mudança.

A segunda versão de hipocrisia vem dos críticos: eles jamais vão aceitar Geisy Arruda. As três principais razões para o desprezo: a moça virou “celebridade” graças a um escândalo; é de origem pobre e culturalmente limitada; e não disfarça a ambição de ser muito famosa e rica. Geisy representa a fama baseada na futilidade, na superficialidade, no descartável, na vulgaridade.

Não fazemos aqui juízo de valor. Afinal, cada um luta com as armas disponíveis. O fato de a loura fazer o possível para não parecer gorda ressalta o medo que ela tem (assim como milhões de mulheres) da discriminação pelos quilos a mais. Este medo é compreensível, mesmo quando baseado exclusivamente na vaidade. Caso Geisy Arruda tivesse uma postura menos exibicionista e assumisse um papel social, seria uma referência para as mulheres que desejam emagrecer e ter um corpo esbelto — ainda que usando recursos extremamente agressivos. Porém, ao optar pelo discurso vazio, ela é somente uma moça que fez de tudo para emagrecer a fim de agradar aos olhos alheios. E o pior: jamais será vista (e tratada) como gostaria.

Entre as mulheres com sobrepeso e obesidade, há quem adore Preta Gil. A cantora simboliza força, alegria e sensualidade bem resolvida. É uma referência de sucesso e superação. Mas existe quem não goste da artista. Especialmente de sua insistência em negar que seja gordinha e a postura de se manter distante dos movimentos de valorização da mulher de tamanho maior.

Preta é capa da edição de março da revista “Joyce Pascowitch”. Na matéria, a estrela demonstrou irritação com quem diz que ela é gorda: “É um saco. Não me acho obesa, mas as pessoas têm esse mito. Quando eu era muito garota, criei a personagem maluca e extrovertida para que as pessoas gostassem de mim. Achava que precisava disso para conquistar os outros. Mas a consolidação do trabalho me fez entender que não preciso ser desbocada e doida para ser amada”.

Uma frase. Bastou uma única frase para que Cristiana Oliveira fosse envolvida numa polêmica — ainda que sem qualquer consistência. Em entrevista ao blog 7×7, escrito por colunistas da revista “Época”, a atriz deu uma declaração forte, que foi transformada em manchete: “Sei que estou uma monstra. Joguei minha vaidade no lixo para viver este papel”. Ela se referia ao sacrifício de engordar 15 quilos e ganhar aparência brutalizada para interpretar a prisioneira Araci em “Insensato Coração”. Imediatamente o painel de comentários do blog registrou inúmeras críticas (algumas bastante agressivas) à atriz. Na leitura dos leitores mais radicais, Cristiana Oliveira insinuou que toda mulher gorda é monstruosa.

Diante de tantas manifestações negativas, a jornalista e blogueira Martha Mendonça, que fez a entrevista, postou uma nota ao final do texto: “Estou notando vários comentários inconformados com a frase da atriz “Estou uma monstra”. Mas Cristiana se refere não apenas ao fato de ter engordado 15 quilos, mas a toda sua transformação: está mais musculosa, toda tatuada, com postura e expressão agressivas, sem maquiagem, etc. Na entrevista isso fica claro. Obrigada.”

Está mais do que evidente que Cristiana Oliveira não teve a intenção de ofender os milhões de mulheres com sobrepeso ou obesidade. Até porque a atriz já sentiu na pele o preconceito de ser gordinha. Na adolescência, ela chegou a pesar 105 quilos. Em depoimento à revista “Veja”, alguns anos atrás, Cristiana explicou o motivo de ter ganho tanto peso: “Engordei 40 quilos depois de fazer uma operação de amígdalas. Eu só conversava sobre um assunto: emagrecer. Virei uma chata”. Já a biografia disponível no site oficial da artista apresenta outra versão: “Aos 16, ela teve uma decepção amorosa e precisou enfrentar outro sério problema: a obesidade. Chegou a pesar 105 kg. ‘Foi culpa de um namoradinho, que me deu o fora e eu comecei a engordar’”, diz o texto.

Como se nota, a tentativa de manipular a frase da atriz, tirando-a do contexto e aplicando um verniz discriminatório, foi pura deslealdade ou completa ignorância. Mais uma tolice da patrulha do politicamente correto. Às vezes parece que ainda vivemos o terrível período da censura oficial. Para conferir a excelente entrevista de Cristiana Oliveira, na qual ela relata como engordou para o papel e o medo do fantasma da obesidade, clique AQUI.

Na sexta-feira, dia 18, a atriz estreia a peça “Mais Respeito que Sou Tua Mãe!” no Teatro Procópio Ferreira, em São Paulo. Em entrevista ao jornal “Folha de S. Paulo, Claudia Jimenez, de 52 anos, deu duas declarações que ilustram a dificuldade sofrida pelo excesso de peso e por não ter beleza clássica.

Sobre o sentimento de rejeição experimentado ao longo da adolescência e início da vida adulta: “Não tinha sensualidade, era muito mais gorda do que sou hoje. Não tinha forma nem vaidade. Achava que não tinha cacife para seduzir um homem. Como tinha de ser amada, me joguei nas mulheres”.

Explicação do por que buscou refúgio na carreira de comediante: “…me servia de escudo, de instrumento de defesa. “Olha como sou ‘fodona’, como nem ligo se alguém me chamar de feia!” Mentira!”

A cantora inglesa Adele, 22 anos, já foi chamada de “a nova Amy Winehouse” por também ter voz potente e repertório de jazz e soul. Mas, além do talento vocal, ela possui ainda um gosto refinado para escolher o figurino. Quase sempre está de preto. Mas nunca são looks básicos. Adele prefere peças com design sofisticado e detalhes charmosos em outras cores. A artista é manequim 46. Seu estilo já foi elogiado nas principais revistas de moda do planeta. Confira 6 produções e inspire-se.

A bela morena da foto chama-se Jordane Stival e tem 26 anos. No final de janeiro ela trocou Goiânia pelo Rio de Janeiro. O motivo da mudança: o sonho de se tornar uma atriz famosa. Para começar o árduo caminho até o estrelato, ela se inscreveu em agências que fornecem figurantes às produções da Globo. Poucos dias depois de ser cadastrada já gravou uma cena de “Ti Ti Ti”. Histórias como a dela fazem parte da matéria de capa da edição deste fim de semana da revista “Veja Rio”. Caso você também queira se aventurar no mundo artístico e está disposta a ralar muito como figurante, clique AQUI para conferir a reportagem recheada de dicas.

A colunista Patrícia Kogut, do jornal carioca “O Globo”, informou que os apresentadores Renata Ceribelli, 45 anos, e Zeca Camargo, 47, participarão de um reality show de emagrecimento no “Fantástico”. Os dois, que estão visivelmente com alguns quilos a mais, terão 3 meses para chegar ao peso ideal. Especialistas em reeducação alimentar e exercícios físicos irão acompanhar a maratona. Para quem precisa eliminar peso, será um grande incentivo acompanhar duas estrelas da TV enfrentando o mesmo drama de milhões de anônimos: emagrecer de maneira saudável.

Qual o melhor remédio contra a carência? COMER e COMPRAR. Qual o melhor antídoto contra a depressão? COMER e COMPRAR. Qual o melhor desfecho para um dia infeliz? COMER e COMPRAR. Qual fonte inesgotável de prazer? COMER e COMPRAR.

Não dá pra negar o óbvio: a comida e as compras são uma compensação para os principais problemas do nosso cotidiano. É no ato de comer e comprar que a mulher costuma se “vingar” daquilo que a incomoda. Mas esse comportamento é perigoso, tanto para o bolso quanto para a saúde física e mental. Comer e comprar compulsivamente são distúrbios que precisam de tratamento.

Uma das maneiras de não cair nestas armadilhas é praticar o consumo consciente. Ou seja: pense duas vezes quando sentir aquela vontade louca de comer e comprar. Em relação à comida, verifique a qualidade daquilo que pretende ingerir. O seu corpo é o seu templo. Faça um trato consigo mesma: um prazer calórico em troca de uma atividade física. Exemplo: comer um brigadeiro e, em seguida, caminhar 30 minutos. Isso vai fazer com que se sinta bem.

Sobre as compras, pense na dor de cabeça provocada por dívidas. Antes de sair com a intenção de gastar, abra o seu armário e veja quantas peças bacanas estão lá, esquecidas, e podem ser customizadas a baixo custo. Quando a intenção (consciente) for mesmo comprar uma roupa nova, pesquise bastante pela internet. Opte por grifes que respeitam o seu corpo e o seu bolso. Não dê lucro para marcas que a tratam apenas como mera compradora. Dê valor ao seu dinheiro.

Enquanto por aqui a temperatura aos poucos vai cair, lá no hemisfério norte os termômetros começarão a subir. Por isso, os shorts foram destaque da coleção primavera/verão da grife italiana Elena Mirò. Nada mais brasileiro do que colocar as pernas de fora com muito estilo! Inspire-se e produza seus looks.


EM ABRIL

VEM AÍ

Conheça BUZUZU, novo blog sobre celebridades e bastidores da TV

Clique na imagem para acessar o blog BUZUZU

TV MULHERES REAIS

Vídeos de desfiles, matérias em TV, clipes com modelos plus size e muito mais

PLUS SIZE MAIS CHIQUE 2013

Vanessa Pichinin, vencedora do Concurso Plus Size Mais Chique 2013, realizado em maio, no Hotel Tryp Higienópolis, em São Paulo

MISS PLUS SIZE MULHERES REAIS 2013: AMÁLI FERNANDES

MISS PLUS SIZE SÊNIOR 2013: ADRIANA CHICARONI

MISS PLUS SIZE MULHERES REAIS 2012: CARLA MANSO

MISS PLUS SIZE SÊNIOR 2012: MÁRCIA DE SOUSA

NOSSA EQUIPE

STARS

A equipe do desfile Mulheres Reais agradece a todas as modelos participantes do evento. Vocês deram um show de profissionalismo, carisma, elegância e sensualidade

DIVAS PLUS SIZE

Rita Hayworth By Catarina Park

Marilyn Monroe By Catarina Park

Grace Kelly www.catarinapark.com.br

Vivien Leigh - Catarina Park

Ava Gardner www.catarinapark.com.br

RETROSPECTIVA: O CALENDÁRIO MAIS BONITO DE 2010

O Calendário-pôster com modelos plus size interpretando pin ups mostrou que a sensualidade independe do peso. Acima, foto inéditas do ensaio e dos bastidores. Na ocasião, a atriz Priscila Marinho gravou matéria exibida no Fantástico em novembro de 2009.

BELEZA EM TODAS AS MEDIDAS

GUIA DE ESTILO PLUS SIZE

março 2011
S T Q Q S S D
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Mais Acessados

  • Nenhum

Arquivos